18 set 2019

Contabilidade para e-commerce !

O mundo do e-commerce está crescendo a todo vapor! São muitos os empreendedores interessados em adentrar esse “universo”, visto todo o seu potencial de desenvolvimento… por isso, hoje decidimos falar sobre  a contabilidade para e-commerce
Vários são os aspectos que devem ser observados quando se decide abrir um negócio virtual. Um deles é a legalização do e-commerce.
Mesmo que a sua operação de vendas seja totalmente virtual, é preciso manter a contabilidade para e-commerce em dia e seguir a legislação vigente.

Empreender no mundo virtual se tornou uma grande oportunidade de sucesso, no entanto, existe uma série de cuidados que precisam ser observados.

Para ajudar você a entender melhor como funciona elaboramos alguns itens para estruturar de forma sólida seu negócio na internet.

Pense no profissional e evite a todo custo o amadorismo

O mercado não para e, por isso, nossa contabilidade para comércio vem trazendo sempre boas informações e conhecimento para os clientes sobre assuntos que estão em alta e que, se postos em prática, podem gerar muito lucro e relevância.

É comum, ainda hoje, mesmo estando numa era de alta tecnologia, que, às vezes, o empreendedor tente começar pelo que é mais simples, no intuito de economizar… mas você se lembra que nem sempre o mais barato, é o melhor?!

Isso mesmo, evitar o amadorismo faz com que você transmita maior confiança e, por isso, na maioria dos casos, é melhor investir um pouco mais e ter um bom planejamento financeiro do que achar que uma pequena aplicação financeira será mais rentável!

Procure plataformas confiáveis e com boa usabilidade

Existem muitas plataformas, mas nem sempre, todas as que existem são boas, por isso, antes de iniciar em uma plataforma, movido pelo “melhor preço”, é importante pesquisar e testar.

“Sentir” as funcionalidades e todas as ferramentas durante algum período de tempo dará a você a oportunidade de identificar todas as possibilidades que a plataforma em questão pode agregar ao seu negócio, assim como permitirá que faça a identificação de falhas ou gaps. É necessário estar atento(a) ao fato de que testar apenas uma plataforma não vai gerar métricas e informações o suficiente para que faça a análise necessária antes de começar a montar o seu e-commerce.

Defina o tipo de segmento que deseja atuar com o e-commerce

Não se esqueça de que um e-commerce precisa de ações de marketing assertivas, de modo a gerar atração, maior facilidade de encontrar seus produtos e identificar sua marca, além de gerar valor aos seus produtos e fidelizar os clientes.

Ter um blog, por exemplo, faz toda a diferença, além de saber usar e fazer postagens nas redes sociais com conteúdos interativos e atraentes!

Monitore as atividades online

Métricas! Isso faz toda a diferença.

Por meio das métricas é possível identificar quantos leads (pessoas) entraram em seu e-commerce, saber quantos compraram seus produtos, identificar a quantidade de vendas gerais e entender o que tem gerado o chamado “abandono de carrinho”.

Todas essas informações fazem grande diferença, pois mostram o melhor caminho a ser seguido, bem como as mudanças necessárias ou implementações a serem feitas!

Pense em todos esses princípios básicos e não se esqueça de ter uma contabilidade para lojas virtuais e e-commerce, pois sendo uma empresa, você precisará de auxílio em toda a parte burocrática, financeira e fiscal!

E então, o que achou do conteúdo?

Caso precise de auxílio é só entrar em contato conosco!

Será um grande prazer poder ajudar!

 

Então siga-nos nas Redes Sociais e fique por dentro das últimas informações.

https://www.instagram.com/rtacontcontabilidade
http://fb.me/rtacontabilidade

Fonte: Abrir Um negócio Lucrativo